• R$ 2,90

Descrição da editora

A Cidade de Deus (De Civitate Dei) é obra de Santo Agostinho, onde descreve o mundo, dividido entre o dos homens (o mundo terreno) e o dos céus (o mundo espiritual). Teria sido a obra preferida do imperador Carlos Magno.


Uma das criações mais representativas do gênero humano.


A propósito da filosofia ou teologia da História, trata dos mais variados e complexos assuntos que sempre apaixonaram e torturaram o espírito humano: da origem e substancialidade do bem e do mal, do pecado, das culpa e da morte, do direito, da lei e das penas, do tempo e do espaço, da contingência e da necessidade, da Providência, da ação humana e do destino no desenvolvimento da História: do ser, do conhecer e do agir do homem, de Deus, da natureza e do espírito, da temporalidade, do eterno, da perenidade e dos ciclos cósmicos, da profecia e do mistério como argumento apologético, da pessoa, da cidade e da comunidade humana.


O livro apresenta a história humana como um conflito entre o que Agostinho chama a Cidade Terrena (muitas vezes coloquialmente referida como a Cidade do Homem) e a Cidade de Deus, um conflito que está destinado a acabar com a vitória da última.


A Cidade de Deus é marcada por pessoas que põem de lado o prazer terreno para se dedicarem às verdades eternas de Deus, agora reveladas plenamente na fé cristã.


A Cidade Terrena, por outro lado, consiste nas pessoas que estão imersas nos cuidados e prazeres do mundo do presente, do efémero.


A tese de Agostinho apresenta a história do mundo como a guerra universal entre Deus e o Mal.


Esta guerra metafísica não é limitada no tempo mas apenas pela geografia na Terra.


Nesta guerra, Deus move (por intervenção divina /Providência) os governos, movimentos políticos/ideológicos e forças militares alinhados (ou alinhando mais) com a Igreja Católica (a Cidade de Deus) a fim de se opor por todos os meios — incluindo militares — aos governos, movimentos político/ideológico e forças militares alinhados (ou mais alinhados) com o Diabo (a Cidade do Diabo).

GÊNERO
Religião e espiritualidade
LANÇADO
2020
April 20
IDIOMA
PT
Português
TAMANHO
919
Páginas
EDITORA
Santo Agostinho
VENDEDOR
Carlos Souza
TAMANHO
61.1
MB

Avaliações de clientes

felipecrh ,

Ilegível

Na compra pensei que fosse ser no formato ePub, no contrário não consigo fazer a leitura por conta do tamanho da fonte, simplesmente horrível

Mais livros de Agostinho de Hipona