• R$ 19,90

Descrição da editora

A presente obra tem como problemática central a análise do episódio A fonte, do romance O continente, da trilogia O tempo e o vento de Erico Verissimo, dentro do debate intelectual desenvolvido durante os anos de 1930-1940 entre a matriz lusitana (Moysés Vellinho) e a matriz platina (Manoelito de Ornellas) da historiografia gaúcha sobre a importância de Sete Povos das Missões no processo de formação do Rio Grande do Sul. Seu objetivo principal é examinar a relevância da região missioneira no processo de construção da identidade étnico-cultural do território sul-rio-grandense, a partir das problematizações elaboradas por Erico Verissimo em seu romance.



A relevância desse estudo se justifica pelo fato de não existirem muitos estudos acadêmicos tomando como base específica o episódio A fonte dentro do contexto do já mencionado debate historiográfico dos anos 30. O tema foi construído, em primeiro lugar, a partir do contexto histórico em que Erico Verissimo viveu e produziu sua trilogia, procurando apresentar desse modo as raízes e as características do solo e do clima em que essa árvore literária foi concebida, esboçada, redigida e publicada. Em segundo lugar, procurou-se explorar o episódio A fonte visando estabelecer um diálogo entre as possíveis relações do texto narrativo ficcional com o texto narrativo historiográfico

GÊNERO
História
LANÇADO
2018
15 de novembro
IDIOMA
PT
Português
TAMANHO
149
Páginas
EDITORA
EManuscrito
VENDEDOR
Bookwire Brazil Distribuicao de Livros Digitais LTDA.
TAMANHO
4,4
MB