Descrição da editora

notável psiquiatra e um dos mais importantes reformadores do ensino da psiquiatria em portugal, júlio de matos distinguiu-se no âmbito do alienismo e da psiquiatria forense. adepto incontestado das correntes positivistas comteanas, fundou, conjuntamente com miguel artur e ricardo jorge, a revista o positivismo e foi um dos seus diretores. foi ainda membro do conselho médico-legal e da societé medico-psychologique de paris e sócio da academia das ciências de lisboa. júlio de matos morreu em 1923 (lisboa) deixando um conjunto de obras que fizeram época na medicina em portugal.

GÊNERO
Saúde, mente e corpo
LANÇADO
1923
1 Janeiro
IDIOMA
PT
Português
TAMANHO
179
Páginas
EDITORA
Public Domain
VENDEDOR
Public Domain
TAMANHO
133.9
KB