• R$ 3,90

Descrição da editora

Nesse romance, Aluísio de Azevedo relata a vida de um jovem maranhense, Amâncio de Vasconcelos, no Rio de Janeiro, durante o curso de Medicina. Ele hospeda-se na casa de um conhecido da família, Luís Campos, que vivia com sua mulher Dona Maria Hortência e uma cunhada, Dona Cadotinha. Amâncio juntamente com um amigo e, Paiva Rocha, passa a viver uma vida desvairada e boêmia. As extravagâncias de chegar altas horas da noite, faltar às aulas, embebedar-se, não lhe eram permitidas em casa de Campos. Por outro lado, o jovem estudante começava desencadear um interesse em Hortência. Levado por esses motivos resolve mudar-se para uma outra pensão administrada por João Coqueiro e sua esposa Madame Brizard, que lhe fora apresentado por Paiva Rocha. Acaba envolvido por Amélia, irmã de João Coqueiro, que finge ignorar o romance e explora-a, exigindo dinheiro de Amâncio. Amâncio resolve viajar para São Luís, para rever a mãe, agora viúva. João Coqueiro suspeita da viagem, e consegue que a polícia prenda Amâncio sob acusação de defloramento, da qual o estudante é absolvido, em rumoroso julgamento. Inconformado com a absolvição e por uma questão de honra própria, já que todos faziam chacota com o nome dele, João Coqueiro assassina Amâncio. Enfim “quem tudo quer, tudo perde.

GÊNERO
Romance
LANÇADO
2015
21 Fevereiro
IDIOMA
PT
Português
TAMANHO
277
Páginas
EDITORA
Luis Orlindo Tedeschi
VENDEDOR
Luis Orlindo Tedeschi
TAMANHO
22.2
MB

Mais livros de Aluísio de Azevedo