Descrição da editora

Neste capítulo de Marighella — O guerrilheiro que incendiou o mundo, o jornalista Mário Magalhães reconstitui a luta do protagonista contra o Golpe de 64, que agora completa 50 anos. A narrativa se estende do dia 30 de março de 1964, dia em que João Goulart pronunciaria seu último discurso em solo brasileiro, até o início de abril, quando Marighella, uma semana depois da queda de Jango, tenta frear a ditadura nascente. Além dos movimentos de Marighella, "Os aviões ficaram no chão" conta, no calor da hora de 50 anos atrás, as idas e vindas de Jango e dos governistas; de protagonistas e coadjuvantes militares ou paisanos, tanto golpistas quanto legalistas; de Luiz Carlos Prestes e do Partido Comunista Brasileiro; da CIA e do Departamento de Estado dos Estados Unidos; dos sindicalistas que apoiavam o governo e da polícia política que os perseguia; de quem matou e foi morto na virada de março para abril. Histórias de tirar o fôlego, esmiuçando as jornadas que convulsionaram e mudaram o país.

GÊNERO
Biografias e memórias
LANÇADO
2014
18 Março
IDIOMA
PT
Português
TAMANHO
27
Páginas
EDITORA
Companhia das Letras
VENDEDOR
Bookwire Brazil Distribuicao de Livros Digitais LTDA.
TAMANHO
1.1
MB

Mais livros de Mário Magalhães