• 12,99 zł

Publisher Description

O município de Santa Cruz da Conceição tem suas origens no ano de 1836 num cruzamento de estrada que ligava a cidade de Rio Claro a Pirassununga. Neste cruzamento foi colocada uma cruz e ali foi construído um rancho para o comércio entre os moradores e viajantes que passavam por essa região. No ano de 1876, com o auge do café, surgimento de vilas e as ferrovias cortando o interior da província, Santa Cruz surgiu como curato. Nesse período, Santa Cruz teve a esperança de ser alcançada pelos trilhos da Companhia Paulista de Estradas de Ferro, fato que não aconteceu, e que resultou na passagem da linha férrea em Leme no ano de 1877, e na construção da estação de Souza Queiroz em 1896. A não instalação da linha férrea ocasionou numa grande perda para Santa Cruz, que não pôde se desenvolver economicamente e geograficamente em relação aos demais municípios vizinhos. Mesmo não possuindo a linha férrea em sua jurisdição, Santa Cruz tornou-se freguesia no ano de 1879, e vila em 1898. Após ser elevada à condição de vila, Santa Cruz elaborou seu primeiro código de posturas e criou o Partido Republicano Paulista com a chefia do senhor Major Arouca. Santa Cruz da Conceição vivenciou 36 anos de vida política na condição de vila até o ano de 1934, quando foi rebaixada à condição de distrito e ficou sob a administração do município de Pirassununga. No ano de 1954, foi elevada novamente à condição de município. Este livro tem por objetivo compreender como esta vila se forjou e cresceu sem a presença dos trilhos ferroviários em suas terras, que provavelmente traria muito mais progresso para os santa- cruzenses.

GENRE
History
RELEASED
2019
August 22
LANGUAGE
PT
Portuguese
LENGTH
80
Pages
PUBLISHER
Clube de Autores
SIZE
3.6
MB