Descrição da editora

Crónica do reinado de D. Pedro, escrita por Fernão Lopes, constitui a primeira das três grandes crónicas do primeiro cronista régio. Composta entre 1440 e 1450, foi impressa pela primeira vez em Lisboa, em 1735, por José Pereira Baião. A crónica inicia-se com o retrato do rei, descrevendo os seus gostos particulares, como a caça, e centrando-se no seu zelo, por vezes, excessivo, na execução da justiça. A narração detém-se com mais demora no relato da vingança e glorificação de Inês de Castro, lembrando o cronista que o rei, ao punir os algozes que jurara perdoar diante de seu pai, perdeu muito da boa fama de que gozava junto do povo. Já nesta crónica, o povo surge como personagem coletiva que, na transmissão de histórias.

GÉNERO
Ficção e literatura
LANÇADO
2005
3/Setembro
IDIOMA
PT
Português
PÁGINAS
158
EDITORA
Public Domain
TAMANHO
141.3
KB

Críticas de clientes

LuisARBranco ,

Interessante

Um livro interessante o qual nos permite ver que mesmo nos reis "mais justos", o poder absoluto fazia mais mal do que bem. Dom Pedro I derramou demasiado sangue, justa e injustamente, e considerando seus requintes de crueldade ao torturar suspeitos de crimes fazia com que qualquer pessoa ainda que inocente confessasse-se criminosa, mesmo sem o ser. Sábios foram os portugueses que não permitiram que Dom João VI desembarcasse em Portugal sem antes assinar o documento em que abria mão do seu poder absolutista. Pena o livro não narrar com maiores detalhes o romance vivido por Dom Pedro I e Dona Inês.