Surrender

40 canções, uma história

    • $18.99
    • $18.99

Publisher Description

Franca, irreverente, intimista e profunda, a voz de Bono não se esgota na banda que lidera. Nas suas memórias, o ativista, artista e vocalista dos U2 leva o leitor numa viagem pelo improvável percurso de uma vida dedicada à música e à luta contra a pobreza.

«Nasci com um coração excêntrico.»

Um livro notável, escrito por um artista combativo, que descobre o melhor de si mesmo quando aprende a render-se. Episódico e irreverente, introspetivo e esclarecedor Surrender é a história da vida de Bono, organizada - mas pouco - à volta de quarenta canções dos U2.

Filho de pai católico e mãe protestante, Bono cresceu no lado norte de Dublin, numa altura em que a violência sectária recrudescia na Irlanda. A perda precoce da mãe, aos catorze anos, constituiu a ausência que haveria de determinar a forma como buscou uma outra família. Nos primeiros tempos, sentiu-se mediano, mas a sua vida acabaria por mostrar que nenhum de nós é mediano. A sua criatividade é caótica, mas constante... em estúdio, em palco, numa manifestação, nos corredores do Congresso dos Estados Unidos, ou na esquina de um bar. Tomamos conhecimento da sua dificuldade em lidar com a raiva, que tempera o que escreve sobre o amor e a não-violência, ao mesmo tempo que assume ter um ego «muito maior do que a autoestima».

Ao longo de quatro décadas, os U2 passaram da condição de adolescentes amadores para se tornarem a maior banda do mundo, e Bono evoluiu também, de ativista nos tempos livres a uma força dedicada em exclusivo à luta pelo perdão da dívida externa dos países pobres, pressionando vários governos, em especial a administração norte-americana, a dar resposta à emergência mundial que a SIDA se revelou. Acompanhamo-lo desde o nascimento do PEPFAR, o Plano de Emergência do Presidente dos Estados Unidos para o Alívio da SIDA. Foi, na altura, a maior intervenção sanitária da História da Medicina para combater uma doença específica. Bono descreve os membros da ONE, a ONG que criou, como «fativistas», e a organização irmã (a RED) como um primeiro medicamento para o ativismo. Os fãs dos U2 descobrirão por que motivo, segundo Bono, os U2 continuaram juntos, apesar de décadas de lutas pessoais e acesas divergências criativas, e ser-lhes-ão dadas chaves de interpretação para as canções mais conhecidas e importantes da banda.

Bono abre as portas da sua vida interior. O desperdício do potencial humano é um tema recorrente, tal como a sua fé, que descreve como a capacidade de distinguir os sinais no meio do ruído, uma «voz baixa e suave» que ouve com distinta nitidez no seu casamento, na música e na luta contra a pobreza extrema. Surrender é, acima de tudo, a história de amor que escreve com a mulher, Ali, que convidou para sair pela primeira vez na mesma semana do primeiro ensaio da banda. Alison Stewart é o Norte que orienta as cenas mais importantes deste drama, inclusive o terceiro ato, quecomeçou há pouco e em que ambos têm mais perguntas do que respostas em relação às lutas que devem abraçar e ao momento exato em que devem render-se.

"Uma memória poderosa e franca. Com uma honestidade admirável, Bono descreve o que constitui uma grande canção; a relação que tem com a mulher, Ali, e os com os quatro filhos; como a banda quase se separou durante a gravação de Achtung Baby nos anos de 1990; porque nunca tira os óculos; e o conflito em que participou entre unionistas e nacionalistas na irlanda do Norte. Consciente e intensamente autorreflexivo, este livro é leitura obrigatória."
Publishers Weekly

GENRE
Biographies & Memoirs
RELEASED
2022
November 1
LANGUAGE
PT
Portuguese
LENGTH
775
Pages
PUBLISHER
Penguin Random House Grupo Editorial Portugal
SELLER
Penguin Random House Grupo Editorial, SAU
SIZE
11.3
MB

More Books by Bono

2022
2022
2022
2022
2022
2022